Pages - Menu

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

então eu li... MENTES PERIGOSAS


“Frios, manipuladores, cruéis e destituídos de compaixão, culpa ou remorso” essa é a primeira frase da apresentação do livro escrito pela psiquiatra Ana Beatriz Barbosa Silva, um livro “PERTURBADOR” como disse Glória Perez, escritora e novelista que assina a Introdução do livro, “porque nos faz descobrir que estamos sempre correndo o risco de ser a próxima vítima”.

Título: Mentes Perigosas – O psicopata mora ao lado
Autor: Ana Beatriz Barbosa Silva
Editora: Fontanar
Páginas: 217
Gênero: Comportamento / Autoajuda
Ano de Publicação: 2008

Deixando de lado a linha YA do blog, resolvi trazer uma Resenha diferente, um livro que faz a gente pensar. Que faz com que conheçamos as pessoas que nos rodeia, um livro onde explica a origem do MAL dentro de cada um de nós.

Os psicopatas são NORMAIS NA APARÊNCIA, PERIGOSOS NAS ATITUDES.

Não pense que eles são feios, violentos ou com aparência desleixada, se engana quem tem essa ideia distorcida deles, os psicopatas estão camuflados em executivos bem sucedidos, pais e mães de família e não costumam levantar suspeitas sobre quem realmente são.

A maioria deles nunca vai chegar ao extremo de cometer um assassinato e consegue facilmente se passar por uma pessoa “comum”. Entre homens e mulheres, 4% da população apresentam esse lado sombrio da mente.

Como reconhecer essas pessoas?

Essa é a proposta do livro que traz casos reais, que coloca o leitor defronte a matérias de importantes jornais, defronte de expressões carregadas como essa:

“O seio esquerdo de Daniella [Perez] ficou desnudo. Aquilo me chocou. Cobri o seio, ajeitei os braços que estavam para cima, para que não ficasse tão feia. Eu sabia que ela seria fotografada depois.”
– Guilherme de Pádua.
Fontes: O Jornal O Globo, 23/1/1997; Jornal O Dia, 24/1/1997.

Essas foram às palavras do então ator Guilherme de Pádua, assassino de Daniela Perez, filha da novelista Glória Perez, um psicopata frio e calculista que desferiu um soco violento no rosto da atriz, aplicou-lhe uma gravata e a jogou para dentro do carro, ele juntamente com sua comparsa e esposa Paula Thomaz seguiu com o carro para o local onde a jovem seria brutalmente assassinada:

Segundo a perícia, das 16 perfurações encontradas no corpo de Daniella, quatro foram na região da garganta e 12 no tórax; oito delas estavam concentradas na área do coração.

Esses são somente alguns dos relatos que você leitor encontrará no livro, Ana Beatriz foi a fundo em pesquisas e mostrou na prática como agem esses seres humanos cruéis.

“Para os psicopatas, as outras pessoas são meros objetos ou coisas, que devem ser usados sempre que necessários para a satisfação do seu bel-prazer.”

Capítulos são concentrados em dar uma VISÃO DETALHADA dessas pessoas, mostrando aspectos ligados aos sentimentos e relacionamentos interpessoais.

Não há histórias criadas, fantasiadas são fatos reais que você e eu acompanhamos de frente para a tevê, nos principais noticiários do país.

Como o caso da Sílvia Calabrese Lima, presa por torturar e maltratar uma menina de 12 anos que morava com ela havia mais ou menos dois anos.

O livro também mostra como agem os psicopatas no mundo profissional, cuidado! Os psicopatas não vão ao trabalho, vão à caça, assim é descrito em um dos capítulos.

Ficou curioso para conhecer mais sobre esses tipos cruéis de pessoas que estão entre nós? Então fica a minha dica para você ler e conhecer MENTES PERIGOSAS – O PSICOPATA MORA AO LADO.
(21) 2199-7500 – associação brasileira de psiquiatria

Abraçoss ^^

www.abpbrasil.org.br – associação brasileira de psiquiatria (ABP)

domingo, 22 de dezembro de 2013

Vem ai... A ESTRELA QUE NUNCA VAI SE APAGAR

Olá amigos leitores, sim, eu ainda estou vivo e ainda estou na nobre missão de escrever para vocês... Acontecimentos novos, imprevistos e falta de tempo fez com que eu me afastasse um pouco do blog, mas estou de volta para uma ótima notícia, então vamos em frente!!!

Se você leu o livro A CULPA É DAS ESTRELAS (resenha aqui no blog), se não leu favor clique no link e leia ao menos a resenha para não ficar flutuando sobre o assunto que vamos falar ;)

Com certeza já ouviu falar de Esther Grace Earl, uma garota de 16 anos que tinha câncer e faleceu em 2010, ela foi quem inspirou John Green a escrever a protagonista Hazel Grace no livro ACEDE.

Fato?

Bem, eu tenho as minhas dúvidas, John Green ofereceu o livro para Esther, isso está claro na 5ª página do livro, entretanto, logo na 7ª página encontramos uma NOTA DO AUTOR onde ele diz: “Este livro é uma obra de ficção. Eu o inventei. Nem os textos nem os leitores se beneficiam de tentativas de descobrir se há fatos reais por trás de uma história fictícia” assim eu pergunto: Será mesmo que Esther é a principal fonte de inspiração para um livro que há dez anos ele tentava escrever?

Que cada um possa tirar suas conclusões...

Mas, não é sobre fontes de inspirações que venho até aqui, e sim para uma excelente notícia: A editora Intrínseca (mesma editora de A Culpa é das Estrelas, O Teorema Katherine e Cidades de Papel) liberou há alguns dias a capa nacional do livro A ESTRELA QUE NUNCA VAI SE APAGAR, o livro é escrito por ninguém menos que Esther Earl.


 Ops! Esther faleceu em 2010, como assim ela escreveu um livro?

Não, o livro não é narrado por um espírito. Com introdução do queridíssimo John Green e anotações dos pais de Esther o livro reúne textos escritos por ela, uma Nerdfighter e vlogueira americana.

O livro tem previsão de estreia para JANEIRO DE 2014 e o claro que os fãs de John Green e “A Culpa é das Estrelas”, como eu, estão ansiosíssimos pela publicação.

“Ela tinha esse jeito estranho de ser [...] era muito sábia para uma pessoa de sua idade”.

O livro traz textos dos diários de Esther, posso estar enganado, me julguem nos comentários, mas esse livro me remete ao “Diário de Anne Frank” embora sejam histórias diferentes em períodos diferentes eles tem uma analogia ímpar entre si, pelo menos olhando sob meu ponto de vista, sob minha ótica.

John Green, meu grande autor favorito, assina a Introdução do livro e olha que máximo esse livro ^^

Esther foi diagnosticada com um câncer maligno na tireoide em novembro de 2006 ela lutou contra a doença até agosto de 2010, mês em que faleceu.

Então é isso, vamos aguardar por esse maravilhoso livro, a autobiografia dela, uma garota linda que como disse o John Green “Eu acho que o universo, no geral, seria melhor se ela ainda estivesse criando vídeos” Esther Earl Grace em A ESTRELA QUE NUNCA VAI SE APAGAR.

Abraços com letras, até a próxima!

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

então eu visitei a 31ª Feira do livro em BRASÍLIA

No dia 27 de novembro de 2013 o Charles Letrando visitou a 31ª Feira do Livro em Brasília e conta agora algumas coisinhas dessa visita, então venha conosco!


1,3 milhões de Reais foi o valor que o GDF repassou para a realização da Feira do Livro 2013 em Brasília. O tema desse ano foi: Leitura, um direito fundamental. A área escolhida foi a Biblioteca Nacional principalmente suas áreas externas onde os estandes foram montados.

A expectativa era que mais de 200 mil pessoas visitassem o local até o dia 1 de dezembro de 2013. A abertura da Feira se deu no dia 22 de novembro com a ilustre presença da Paula Pimenta, autora dos livros Fazendo meu Filme e Minha vida fora de série, ela é uma das responsáveis pelo aumento do interesse pela leitura e escrita de um público entre 14 e 21 anos de idade.


A Feira estava linda, com amplos espaços, além do espaço para trocas de livros, sebos, estantes de várias editoras, livros infantis, juvenis, teen e afins, espaços aconchegantes, um pessoal animado principalmente com a Literatura da Capital.

Além da Paula Pimenta uma das homenageadas na Feira foi Dinorá Couto Cançado, entusiasta das letras que faz um trabalho notável à frente da Biblioteca Braille Dorina Nowill, localizada em Taguatinga (cidade satélite de Brasília). Ela é escritora, pedagoga, dinamizadora de bibliotecas e incentivadora da leitura, seu nome já faz parte do Distrito Federal.

Falando agora um pouco como leitor, a Feira estava super acessível, os preços variavam de 3 a 50 R$ dependendo do livro que você queria adquirir, em Sebos você encontrava livros antigos alguns em hardcover (capa dura) outros em edições já esgotadas, havia alguns espaços disponíveis aos autores que estariam na Feira para autógrafos.

Essa foi a primeira feira do livro que eu participei em Brasília e espero que seja a primeira de muitas, nela adquiri dois livros Garota Replay – Tammy Luciano e 98 tiros de audiência – Aguinaldo Silva que eu estou louco para ler, então é isso a Feira estava linda e eu amei ter participado, fique agora com algumas fotos do Evento.




Até a próxima pessoal! :)

Pages

Loading...

Pesquise na Wikipedia

Resultados da pesquisa

Pages - Menu

Deixe aqui seu e-mail :)